Quinta-feira, 23 de Abril de 2009

O MOMA de Nova Iorque

 

 Durante os quatro dias que passamos em N.Y.,  é claro que eu não poderia deixar de  visitar o  Moma -  o Museu de Arte Moderna da cidade. 

 

 A caminhada até lá , saindo de nosso hotel na West 46,  foi de apenas algumas quadras,  já que o museu fica na  West 53 - aliás, uma rápida e agradável caminhada que fiz  seguindo pela Quinta Avenida...

Na verdade,   a construção em si  não me impressionou especialmente  pois achei que se tratava apenas de mais um prédio moderno no meio da cidade dos arranha-céus. 

Mas eu sabia que alguns treats  muito especiais me aguardavam por lá - entre eles,  nada menos do que a famosíssima tela de Pablo Picasso ' Les Demoiselles D'Avignon'  ( As Damas de Avignon)  e 'Starry Night'  ( Noite Estrelada) de Vincent Van Gogh !

Contudo, como pretendia seguir para outros lugares depois,  estava decidida a passar no máximo umas duas horas no museu e por isso resolvi me concentrar no setor que REALMENTE  me interessava e aquele que eu não poderia deixar de visitar :  o das pinturas e esculturas, concentradas principalmente ( se me lembro bem...) no quinto andar do edifício. 

 

O acervo de Arte Moderna  ( e especialmente  o do grupo da École de Paris...) do Moma  é absolutamente fantástico e vale....( Ah, SUPER vale! ) ,  uma visita.  São VÁRIOS os Matisses, Picassos e outros geniais artistas do  Século XX , cujas telas podem ser admiradas em suas salas. 

No dia em que estive lá,  infelizmente o quadro 'Starry Night'   de Van Gogh  não estava disponível  :-(  ,pois tinha sido emprestado ao Museu Van Gogh para alguma exposição temporária.

Ainda assim,  eis algumas das obras de arte que aquele dia,   made my day...

 

1)   Estes dois  Matisse (  1869-1954, francês)  - no meio de tantos outros! 

 

2)  

 

3)   Este Chagall  ( 1887-1985, russo, naturalizado francês...)

 

 

4)  Este  Pablo Picasso ( 1881-1973, espanhol ) 

 

 

 5) E mais estes,  pertencentes a sua 'Fase Rosa' ou 'Rose Period' ...-  período que durou de 1904 à 1906 e no qual o pintor deu preferência aos tons alaranjados e rosados em suas telas ( em contraste com os tons mais escuros e sóbrios utilizados em sua 'Fase Azul'...)

 

 

 

 6)  Adorei este nu! 

 

 

 7)  Tanto este quadro,  quanto o de número 5,  me deixaram BEM CLARO a influência do  mestre espanhol em nosso grande pintor brasileiro Cândido Portinari ( 1903-1962).

 

 

E é claro,  the star of the show:  'Les Demoiselles D'Avignon'

 (  o quadro  pré-cubista de 1907,  com suas famosas cinco prostitutas em um bordel na rua de Avignon , em Barcelona...)

 

 

 

 

Tem muita gente que não gosta de Picasso,  só que eu  NÃO sou uma delas !! 

 

 

 

sinto-me: Eu AMO o MOMA!
publicado por Pâmelli às 19:52
link do post | Comentários | favorito
Sábado, 18 de Abril de 2009

Explorando NYC a pé!

Nos quatro dias que passamos na Big Apple , visitei quatro  museus - além do Planetário. Todos maravilhosos e interessantíssimos! 

Hoje , contudo,  faço uma pequena pausa dos museus nova iorquinos e escrevo sobre os passeios À PÉ que fiz pela cidade.

 

Caminhar é um LUXO ! -  e é só quando se vive na América (  nos Estados Unidos da América , para não deixar qualquer dúvida...) que isto fica ainda mais claro.

Aqui não se anda para lado nenhum.  Se DIRIGE ! 

É assim em 99% das cidades americanas e não  adianta tentar nadar contra a corrente pois

você  simplesmente acabará morrendo na praia.

 

Logo que cheguei na América , até que tentei usar o transporte público, mas não há praticamente ninguem andando nas ruas.  Muitas delas sequer tem um  sinal  por perto  para se atravessar ! Os ônibus são raros e só passam de hora em hora.   Os táxis , absurdamente caros.

 Aos 16 anos  os americanos tiram suas carteiras de motoristas e depois disso somente quem é praticamente  homeless  ( mendigo) ,  é que continua usando  o transporte público.

Triste realidade que  nosso presidente Obama está tentando mudar , mas que suspeito,  será MUITO difícil  já que o americano típico  pode até  conceber viver sem as próprias pernas, mas jamais sem o próprio carro!

 

Sendo assim,  toda vez que viajo para a Europa, o Brasil ou mesmo alguma cidade americana onde é possível ANDAR até os lugares ,  confesso que costumo exagerar na dose. lol

Em NY isto não foi exceção e durante cada dia que passei lá,  devo ter caminhado uma média de 50 quadras ou algo como 10 quilômetros - mesmo debaixo do frio e com um casaco inadequado ( o único que levei, e que achei que seria o suficiente...) 

 

O primeiro dia que chegamos ( uma quarta-feira e o único dia em que meu marido não teve  que trabalhar ...) , seguimos com um amigo seu , residente nos subúrbios da cidade,   para o Soho,  pois eu estava curiosa para  conhecer o  famoso 'bairro dos artistas' ,  os seus lofts  (espécie de apartamentos/estúdios ENORMES...)  e ver os tais prédios com fachada de ferro ( the cast-iron buildings) que o meu guia recomendava.

( Sempre que viajo,  carrego comigo o guia , 'Eyewitness Travel' , que no Brasil é  conhecido como o Guia da Folha de São Paulo...-,   e  que  é de longe o  mais completo  ( para não dizer 'o mais sofisticado'! lol)   de todos. 

 

 

Enfim,  quando descemos do metrô no bairro vizinho do  Village ,  perto dos piers,  caminhamos  um bom tempo ao longo do rio Hudson .  Foi aí que pude ver , do outro lado do rio, alguns prédios na cidade de  New Jersey ( aquela mesma que o povo de Manhattan costuma olhar meio de cima pra baixo, assim como muitos cariocas da Zona Sul  costumam fazer com o  pessoal da Zona Norte... ).

 Um bom tempo depois finalmente chegamos à Greene Street ,  no coração do Soho,   onde se encontram  a maioria  dos prédios  em estilo Revival Neo-clássico,  construídos entre 1869 e 1895 .  

 

 1)  O belíssimo  Singer Building ,  (antigamente a sede da famosa marca das máquinas de costura)  que  data de 1904

 

2)

 Mais alguns exemplos interessantes, lembrando que tudo alí é ferro pintado...

 

3)

Este,  inclusive,  com uma bela galeria de arte por dentro...

 

 

Outra caminhada que fiz - desta vez por conta própria pois foi num dos dias que meu marido teve de ficar trabalhando no hotel e meus sogros foram explorar outra parte da cidade...- foi no dia em que segui pela Quinta Avenida em direção ao Central Park , ao norte.  Meu destino era o Moma ( o Museu de Arte Moderna)  que fica pela altura da rua 53, mas vários foram os pontos turísticos famosos que descobri pelo caminho até lá.

A própria Quinta Avenida , ( o 'Paraíso das Compras' ...)  cheia das mais famosas lojas de  griffe  e ENTUPIDA de gente por todos os lados!   

( Pessoalmente, preferi caminhar ao longo da parte NÃO comercial da famosa avenida,  apenas com belos edifícios residenciais e  de frente para o Central Park ... - Ah,  que não deve ser nada mal se ter tanto dinheiro assim!! lol)

 

Enfim,  no dia em que caminhei saindo de nossa rua na West 46 e segui pela Quinta subindo  em direção ao Moma,  naturalmente passei pelo Rockfeller Center,  o Radio City Hall e a Catedral de Saint Patrick.

O primeiro eu gostei demais pois me lembrou ,  com todas aquelas bandeiras dos diferentes países  que  eu realmente estava na 'Capital do Mundo' !     A área de patinação no gelo é especialmente charmosa e havia uma moça dando algumas piruetas e viradas bem radicais no meio dos patinadores.

O prédio do  Radio City Hall eu pude apenas  admirar por fora e imaginar como deve ser por dentro - Ah',  o  privilégio de se assistir à algum show alí!!

Já a Catedral de Saint Patrick  me impressionou  muito pouco pois afinal trata-se de uma construção de 1850, imitando as VERDADEIRAS  catedrais góticas na Europa.   Um ótima imitação ,  diga-se de passagem,  assim como aqueles relógios Rolex que vemos vendidos em alguns camelôs por aí...Mas para alguem que conhece uma Notre-Dâme de Paris ou alguma catedral realmente 'gótica' ( ou seja,  com pelo menos 1,000 anos de idade!)  européia ..., a coisa toda parece até meio ridícula.

 

A verdade é que  gostei  e apreciei bem mais o prédio do Empire State   de 1930  (  que visto de longe é bem mais bonito do que de perto...),   o do Chrysler Building  ( da mesma época) em estilo Art Deco,   e a  linda Grand Central Station  ( A  principal estação ferroviária de NY...)   que data de 1913 e    é no estilo que os americanos chamam de 'Beaux Arts'. 

Isto sim,   coisas originais e genuinamente americanas,  ao invés de uma imitação ou revival de alguma coisa européia que a América jamais viveu! 

Aliás, foi na Grand Central Station que minha excursão a pé terminou  naquele dia,  já que eu havia combinado de me encontrar com meus sogros no  excelente bar da estação  para um happy-hour de final de tarde.

Em seguida voltamos caminhando até nosso hotel , que ficava a apenas quatros quadras dalí  e onde meu marido, finalmente livre de mais um dia de trabalho,  nos aguardava para sairmos para  jantar...

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

sinto-me: Enriquecida culturalmente
publicado por Pâmelli às 22:43
link do post | Comentários | favorito
Quinta-feira, 16 de Abril de 2009

O magnífico Metropolitan de N. Y.

 

 

Então após deixar o Frick Collection,  pela altura da rua 70,  continuei ao longo da Quinta Avenida durante mais umas 12 quadras, até a rua 82 , onde fica o Metropolitan Museum of Art.

 

Eu  já  tinha caminhado  perto de  40 quadras ( já que nosso hotelzinho ficava na rua 46...)  ,  era quase uma hora da tarde e eu precisava urgentemente de uma PAUSA!   Precisava repôr algumas calorias ,  descansar um pouco os pés e as pernas ...  Foi então  que lembrei de minha última ida ao Met , dois anos antes,  e de seu ótimo restaurante!  lol

Uma dica:  Quando fôr ao Museu do Metropolitan,  a menos que esteja  realmente contando os centavos na carteira ou empencado com a família inteira ( incluindo as crianças),  NÃO coma na cafeteria! 

Ao invés disso , siga para o restaurante  todo envidraçado,  com vista para o Central Park !    O serviço é excelente, o  cardápio  à la carte é variado ( Uma entrada, taça de vinho e prato principal lhe custará entre 30 e 40 dólares...)  e isto lhe proporcionará todo o descanso e a energia necessária para depois poder apreciar  devidamente toda a riqueza cultural que aquele museu  fantástico tem a lhe oferecer!

 

Portanto  foi  para lá  que eu segui  assim que comprei minha entrada .

Tive de esperar cerca de meia hora na fila e acabei  conhecendo uma senhora de Connecticut que,  naquele dia ,  tambem estava visitando o museu por conta própria .  Resolvemos almoçar juntas e dividirmos  uma pequena mesa para dois , desta forma ganhando  tempo.

 

A primeira vez que estive no Met,  em 2007,  passei  literalmente o dia todo alí. lol

Apesar disto,  só pude conhecer a parte do Egito, Grécia e Roma Antiga ( que  é  absolutamente fantástica !  -  em especial o do Egito antigo...)

Muitas pessoas querem ver MUITO em um único dia ou em poucas horas , mas não creio que isto seja uma boa idéia.   O melhor, penso,  é escolher um ou dois setores do museu que  REALMENTE lhe interessam  e se concentrar neles.  Arte Americana,  Africana, Medieval, Bizantina, Grega, Romana,  Egípcia, Européia...É só escolher.

Desta vez,  apesar de ter acabado de sair do Frick ( que possui principalmente arte européia ) foi novamente para este setor do Met que eu resolvi seguir.

 

Eis alguns dos meus 'momentos mais inspiradores '  por lá  :-)

 

1)

A morte de Sócrates , por Jacques-Louis David , francês , Século 18 

 

2)  

 Vermeer,  pintor holandês ,  Século 17

 

3)

 Bruegel e suas famosas cenas de camponeses,  holandês  , Século 16

 

4)

Gainsborough , pintor inglês , Século 18

 

5)

 Goya,  espanhol,  Século 19

 

6)

Outro Vermeer...

Alguem assistiu ao filme ' The Girl with the pearl earring'  ( A moça com o brinco de pérola?)  , com Scarlett Johansson??

Eu diria que foi este o quadro que inspirou o livro,  que depois virou filme...:-)

 

7) 

 Gostei demais deste Cristo , de Zurbarán...

Pintor espanhol , século 17

 

8)

E que tal este lindo Frans Hals?   (Holandês, 'Século 17)

 

 

 ( O Hall de entrada do museu, visto do segundo andar)

 

 

Afinal,  vale ou não a pena passar um dia inteiro no Met? lol

 

Pessoalmente,   não trocaria isto por nenhuma Bloomingdale's,  Macy's  ou Saks da vida...

 

sinto-me: Inspirada
publicado por Pâmelli às 19:40
link do post | Comentários | favorito
Segunda-feira, 17 de Novembro de 2008

Relembrando...

Há alguns filmes que eu adoro assistir de novo de vez em quando.

O meu gênero preferido é  geralmente um  bastante desprezado pelos 'críticos de cinema' e , aliás,  da maioria dos homens :  a comédia romântica!

 

Oh, eu gosto de filmes históricos,  de biografias,  de thrillers ( não filmes de horror...) , de filmes de aventura e ação e até de alguns dramas ( melodramas não!). 

Mas os meus preferidos são realmente aqueles 'feel good movies' ;  aqueles que fazem você sair do cinema sentindo-se  leve, sorridente e  mais otimista com a vida ...

 

Muitas pessoas dizem que isto não é 'realista' e que na vida real as coisas são muito diferentes, mas  quem disse que quando eu vou ao cinema quero ver a 'realidade da vida'?    Ora,  para isto basta  se abrir a porta de casa e sair às ruas!!  E dependendo de onde se estiver, a realidade que se verá à sua volta  poderá  lhe parecer mais absurda e  surrealista  do que um quadro de Dalí!

 

O fato é que  eu simplesmente me recuso a pagar um ingresso de cinema por uma coisa que vá me deixar deprimida, desencantada com a vida,  chorosa e com mais víncos e rugas no rosto  do que aqueles que o passar dos anos  já vai inevitavelmente me dar!   ( Ok,  hoje em dia existe o Botox para ' minimizar este problema' ..., mas uma boa comédia romântica tambem pode nos  fazer  muito bem a testa !  lol  

Quanto aos cantos da boca e a área em volta dos olhos,  eu não digo o mesmo  ( já que são estas as partes do rosto a sofrerem  os maiores 'estragos'   quando se dá uma boa gargalhada ! ) 

Mas o que são umas poucas ruguinhas  aqui e alí diante de um  momento de prazer e alegria ? 

 Além do mais as marcas de sorrisos e humor no rosto não deixam de ter o seu lado atraente ...

 

Sendo assim, este fim-de-semana resolvi assistir   à  um de meus filmes preferidos -  'Working Girl'  ( Uma secretária de futuro) , com Melanie Griffith ,  Harrison Ford e Sigourney Weaver.  É de 1988 - tirado diretamente do baú do pirata!

 

Adoro  ( e sempre me emociono...)  ao ver  a cena de abertura  mostrando a Estátua da Liberdade e a chegada  à bela Manhattan de ferry ,  ao som de 'Let the river run' ,  cantado por Carly Simon . (Aliás , o filme ganhou o Oscar de melhor música aquele ano , se não me engano...) 

(Engraçado:  há vinte anos atrás se alguem me dissesse que eu teria me  mudado para os E.U. , me casado com um americano e depois até me naturalizado americana eu teria caído na gargalhada! ) 

 A única coisa triste na cena  é ver os Twin Towers ao fundo   

Um aperto no coração  então é inevitável...

 

Ainda assim,  um belo filme,  bem ao estilo anos 80 (  Que CABELOS ,  mon dieu !! lol)  ,  com um super elenco e uma estória muito divertida.

 

Voilà:   NYC and   'Let the River run' ! 

 

http://video.aol.com/partner/hulu/working-girl-opening-credits/YQuebCE1AL_wGghFebv38KXoL2g3yI_0

 

sinto-me: Sempre inspirada ao ver NY...
publicado por Pâmelli às 17:25
link do post | Comentários | ver comentários (4) | favorito

.Mais sobre mim

. Meu Livro

COPADRAMA

- A Brazilian Tragicomedy

(um romance em inglês de I. Pamelli M.)

. Comprar na AMAZON.com

.Janeiro 2018

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30
31


.posts recentes

. O MOMA de Nova Iorque

. Explorando NYC a pé!

. O magnífico Metropolitan ...

. Relembrando...

.arquivos

. Janeiro 2018

. Novembro 2017

. Junho 2017

. Abril 2016

. Julho 2014

. Junho 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

.tags

. todas as tags

blogs SAPO

.flag counter

free counters

.subscrever feeds