Sábado, 24 de Outubro de 2009

O caso da 'carrocinha' de Jericoacoara

 

 

Há algumas semanas atrás escrevi um post sobre o balneário cearense de Jericoacoara onde estive de férias recentemente.

Naturalmente, como sempre faço com os lugares por onde passo ( talvez a  Flórida sendo a única exceção pois lá eu nunca encontro defeito algum ! lol)  , sempre escrevo tanto sobre as coisas POSITIVAS  quanto as NEGATIVAS  que encontro . 

 

Quem frequenta o 'Parada' há algum tempo já leu minhas impressões sobre Paris e o Vale do Rhône,   o estado do Colorado, o Parque Nacional do Big Ben no Texas , a cidade costeira de  Galveston, a Flórida e mais recentemente Jericoacoara e o Rio de Janeiro.  Mas o  'Parada' não é um guia turístico . Ninguem me paga para escrever aqui e portanto não me sinto na obrigação de escrever apenas coisas elogiosas sobre os lugares por onde passo.  O blog é a casa virtual do autor e sendo assim, está sujeito às suas opiniões e  própria subjetividade. E é claro, aberto à comentários - mesmo contrários à opinião da autora ...- desde que sejam feitos de maneira minimamente educada e civilizada.

 

De fato,  ao contrário do que muita gente pensa,  acredito que é justamente quando se critica certas coisas ,  se denuncia  uma injustiça, um escândalo, pouca vergonha  ou maracutaia ... que abrimos as possibilidades para que algo seja feito para remediar o problema, para que providencias sejam tomadas e semelhantes abusos  tentem ser  evitados no futuro.  O elogio cego ou mesmo a crítica reprimida são os irmãos  da impunidade.

Mas  sabemos tambem que às vezes o tiro sai pela culatra e  ao metermos a colher para mexer a sopa a fim de realçar seu sabor, volta e meia  acabamos por entornar o caldo e fazer uma lambança geral.

 

Sinceramente, espero que este não tenha sido o caso com o escândalo da 'Carrocinha'  em Jericoacoara,  que este ano resolveu pegar cachorros com coleiras ( e portanto com donos) que circulavam pelas cinco 'ruas'  do vilarejo , ao invés dos cães REALMENTE de rua! 

  Pior:  neste caso,  houve tentativa de extorsão por parte dos ' funcionários' !

 

A minha surpresa veio foi quando fui contactada através do blog por um funcionário da Vigilância Sanitária de Jericoacoara a fim de apurar melhor o caso , segundo ele,  'para que os culpados sejam  punidos e algo parecido não torne a acontecer'.  (Sim,  pelo visto o 'Parada' está muito mais presente no mundo virtual do que se imagina! lol Mesmo em Jericoacoara! )

Sendo assim,  o tal funcionário  me pediu os nomes das pessoas que foram vítimas de tal abuso - em outras palavras,  que tiveram o seu cão roubado pela carrocinha e depois sofreram uma tentativa de suborno para recuperá-lo ( dinheiro, aliás, que  se recusaram a pagar e só depois de muita negociação verbal é que conseguiram tirar o animal das portas da  'Camera de Gas'!)

 

Enfim, o fato é que depois de informar ao funcionário da Vigilância Sanitária quem eram as pessoas que sofreram tal abuso por parte dos corruptos da 'carrocinha' ,  fiquei pensando se não havia me  precipitado.  Se não deveria primeiro ter contactado  as tais pessoas e perguntado se elas de fato desejavam  prestar  alguma queixa contra os tais funcionários.

Eu teria , com certeza ! - pois não sou o tipo de pessoa a sofrer abuso e tentativa de extorção calada ( ainda mais tendo a oportunidade de  falar diretamente com alguem com poder de punir os responsáveis!).  Mas por outro lado,  sei que muita gente prefere não denunciar crimes e abusos , principalmente uma vez que o assunto já foi 'enterrado'. ( Afinal elas já recuperaram o cão...)

No Brasil sobretudo,  sabemos que muita gente tem medo de  sofrer represálias por parte dos malfeitores; de que no final 'tudo acabe em pizza'  ou pior ainda :  de que as próprias vítimas acabem se transformando em vilãs da estória ,  muitas vezes sendo  julgadas e criticadas por não terem dado queixa antes! 

 

Enfim,  ainda não sei em que pé estão as coisas por lá.

Só o que sei é que o funcionário da Vigilancia Sanitária pretende  contactar pessoalmente as vítimas que tiveram seu cão preso e sofreram a tentativa de extorsão a fim de melhor se inteirar da situação.

De minha parte,  só espero que o desejo  destas pessoas ( de denunciar ou não os culpados) seja respeitado.  Que não venham a ser indevidamente importunadas ( pois afinal foram  as VÍTIMAS em todo o episódio!  - além do cachorro é claro...:-)  e principalmente , que os corruptos funcionários da carrocinha sejam definitivamente afastados de seus cargos e substituidos por pessoas de bem. Aliás, ao que parece,  eles nem mesmo eram de Jericoacoara e sim de um outro  ( suponho eu...) vilarejo local de nome Acaraú!

 

Agora é aguardar notícias .  E justiça.

 

sinto-me: Aguardando o fim da estória
publicado por Pâmelli às 19:34
link do post | Comentários | favorito
Sábado, 19 de Setembro de 2009

Caminhada ao longo da praia

 

 

Ontem 'contratei' um guia local para nos levar  até  à famosa Pedra Furada  ( o maior símbolo de Jericoacoara...)    saindo do Clube dos Ventos e caminhando ao longo da costa . ( Da última vez que estivemos aqui, em 2006, fomos de buggy e depois caminhamos um trecho pelas pedras...mas hoje nossa 'excursão'  foi muito melhor! )

 O passeio foi  todo à pé e durou 2 horas , saindo às 9:30 da manhã ( quando a maré ainda estava baixa...) e voltando às 11:30.

 

Nosso guia chamava-se Luciano e é um rapaz local - não um dos guias 'cadastrados' do Clube dos Ventos.  Contudo,  se alguem quiser fazer esta caminhada, sugiro que o  procure .( O melhor é ir ao Clube e perguntar aos moços locais , alí em volta ( do lado de fora, não dentro!) ,  sobre o 'Luciano' - o rapaz que  trabalha como guia autônomo.  

Inclusive ele tambem faz os passeios turísticos de buggy para Tatajuba e outras atrações locais.

 

Quanto ao passeio de hoje...

Ao todo  foram 6 quilômetros de caminhada ( 3 para ir e 3 para voltar... ) , com direito a várias fotos pelo caminho e o pit-stop final na Pedra ( onde tem sempre um vendedor de água de côco para nos refrescar e dar a energia necessária para voltar!! lol)   Aliás, nossa volta foi por cima do Morro do Serrote, uma vez  que a maré já tinha começado a subir.

Dica:  Não deixem de levar uma garrafinha de água  , uns bons 'sapatos de praia '  para subir e caminhar por entre as pedras/rochas na costa  , chapéu e  ( para os mais branquelos...)  uma camiseta para proteger os ombros do sol!

 

A vista do percurso todo é belíssima.  . Além disso,  com o guia, a caminhada  é  muito mais interessante do que seguindo por conta própria (  como alguns turistas 'mão  ' preferem fazer ...) .

 

Luciano nos mostras as pedras em forma de animais,  ( A  da tartaruga - dê só uma olha nela na parte de cima ... com casco, pescoço , cabeça e até uma boquinha e olho! ...lol ) ,  o aquário natural  formado pelas pedras  (  cheio de peixinhos coloridos!)  e  as grutas ,  que são habitadas por morcegos ( Mas essas a gente só vê de fora...Ufa!) .  Outra coisa é que   ele conhece bem as marés e sabe o horário certo para irmos e como devemos voltar - se pela praia, ou por cima do morro.  ( Alguns turistas que seguiram sozinhos por alí já tiveram seus relógios e mochilas tomados por vagabundos e pivetes locais .  Daí mais uma razão para seguir o caminho com um habitante/guia  local...) 

 Anyway, com 30  ou 50 reais - 15 ou 25 dólares...- , ( dependendo de suas condições financeiras  e generosidade )   você deixa o rapaz feliz, aprende muito mais e ainda incentiva o trabalho e turismo em Jeri!

 

Ok,  e agora vejamos alguns 'momentos ' deste nosso passeio até a Pedra Furada,  assim como alguns highlights de nossa estadia aqui:

 

1)

    Peixinhos do mar no 'aquário natural' formado pelas rochas na beira do mar...

 

2)

      A 'Pedra Furadinha' no meio do caminho .  Segundo Luciano,  ele brinca com os turistas dizendo que 'isto' é a Pedra Furada e recebe a seguinte resposta:  'Só isso?  Que furada !!' lol   (  É BEM menor que a verdadeira Pedra Furada - aliás, a  abertura é menor que uma pessoa...)

 

3)

     A volta, quando a maré está alta,  é pelo Morro do Serrote...

 

4)

   Uma das grutas/cavernas nas rochas.  Só doido é que entra pois lá tem de tudo: morcegos, escorpiões etc...Tudo isso fica de frente pro mar e banhado pelas ondas durante a maré alta...

 

5)

   Piscininha natural de água salgada.  1m70  de profundidade e vista pro mar...

 

6)

   Água de côco e casquinha no pit-stop da Pedra Furada...

   E é só!  Não há mais NADA  por lá .

 

E alguns highlights de  Jeri...

 

1)  

     A 'peixaria' onde comemos o melhor robalho e lagosta local!  Tudo feito na grelha, na hora.  (  O lugar é  rustiquésimo , mas a experiência vale a pena...)

 

2)

   O pôr-do-sol visto do Clube dos Ventos...

 

3)

    A duna de Jeri... ( Exercício melhor que o stair-master ! lol)  

 

4)   

   Windsurfistas e um kite-surfista , folgado ,  bem no meio da área do windsurf.

    (Isto é proibido, além de perigoso,  pois a corda ou cabo pode até degolar um windsurfista!   O careta deveria estar na área de praia designada para os kite-surfers , lá pros lados do Preá...) 

 

5)

Quilômetros e quilômetros de praia de areia branca, água limpinha  e quase ninguem! lol

( 10 ou 15 minutos de caminhada do 'centro'...)

 

sinto-me: Na Terra do Sol, Céu e Mar...
publicado por Pâmelli às 16:26
link do post | Comentários | favorito
Segunda-feira, 14 de Setembro de 2009

Jeri - Altos e baixos...

 

 Após uma semana em Jericoacoara,  aqui ficam algumas impressões desta nossa terceira visita ao balneário cearense...

 

- A comida na maioria dos restaurantes locais continua muito boa e variada.

 

 

-O Clube dos Ventos  continua sendo o melhor point para se passar o dia ( além de ter o melhor buffet para almoço...)

 

-A Pousada Surfing Jeri   é definitivamente muito agradável e não decepciona.

Inclusive seu café-da-manhã é mais do que decente...

 

(Comida , comida , comida... Eu sei.  Mas vai dizer que não é um ponto importante??!)

 

-O pôr-do-sol  visto da duna do vilarejo continua lindo...

 

 

-Esse cantinho de terra 'lá onde Judas perdeu as  botas...' é realmente um pequeno mosaico de todas as culturas do mundo!   Aqui se encontra todo o tipo de gente ( algumas bem interessantes).

 (Até agora , alguns de nossos  'contatos ' preferidos são: 1)  um médico anestesista de origem oriental ( não perguntei de onde ele é originalmente , mas suponho que seja do Vietnã...) que mora em Paris. 

O rapaz é   windsurfista em visita à Jeri pela segunda vez . Charmoso e bem humorado,  conhece  vários outros pontos de windsurf no mundo . Mas pelo visto Jeri é o seu preferido...

e  2)  um piloto  brasileiro de aeronaves comerciais , residente há dois anos  em Hong Kong! 

Este moço  é outro habitué de Jeri.  Conhece todo o mundo aqui e apesar de boa pinta, culto e cosmopolita, não tem a menor sombra de estrelismo. 

Enfim, assim são algumas pessoas que  meu marido e eu conhecemos em Jeri...

 

As mulheres no C.D.V. são em sua maioria alemãs ou italianas.  Não conversei com nenhuma delas, mas em geral são bonitas e atléticas.  ( ou são windsurfistas ou namoram windsurfistas...lol)

 

 

 

Mas nem tudo é sorriso em Jeri... 

Por aqui , pelo visto,  ainda há muito da 'Terra do Cangaço e do Coronelismo' !

A corrupção  no dia a dia da vida local é ( mesmo para uma carioca cínica como eu ...)  de arrepiar os cabelos!!

Pra começar...

 

-O Resort está dominado pelos italianos.  Uma verdadeira máfia!

As melhores e maiores pousadas aqui pertencem à eles. ( Inclusive a nossa...)

Como são cheios dos 'Euros' ,  segundo nos disseram, soltam  'um dinheirinho'  aqui e alí para fazer o que quiserem.  Por exemplo,  construir em áreas ilegais,  de maneira ilegal etc...

Os italianos em Jeri são os 'coronéis'  do passado.  Jorge Amado que o diga!

 

 

O que eu faria se fossa a prefeita desta cidade??

 

1) Mandava colocar um sistema ultra moderno e decente de tratamento SÉRIO  de água e esgoto e limpava a praia do centro .   A área  toda está HORRÍVEL! 

Para se tomar banho em praia limpa , é preciso caminhar pelo menos uns quinze minutos pela costa , saindo dos limites da cidade.

Sinceramente,  se a coisa continuar do jeito que está, em poucos anos Jericoacoara vai virar um esgoto à ceú aberto !

Nota:  Há 3 anos quando estivemos aqui, estavam começando a colocar tubos e um sistema de esgoto novo na praia do centro.    Guess what...  Nunca completaram o serviço!!

(Mas garanto que cobraram nos' impostos'  pagos pela população local ...)

 

2) Mandava tirar todas aquelas pedras  ( visivelmente sujas e poluídas) bem na frente do Clube dos Ventos , que é a área onde o pessoal sai 

(Um pobre windsurfista carregando sua prancha e vela por entre as pedras pútridas!)

 

para praticar o windsurf no mar aberto...

A visão é deprimente e as pedras atrapalham a ida do pessoal, carregando o  trambolhudo material , até a praia.  Quando a maré sobe então, pior ainda, pois não dá pra ver onde se pisa !

3 caminhões em 3 dias -  era tudo o que precisava para tirar a pedregada do local.

( Algum empresário rico,  patriota e amante de Jeri  se voluntaria???  Anyone??)

 

3) Passava uma lei obrigando todos os donos das pousadas  estrangeiros a empregar somente funcionários brasileiros - desde o gerente até a faxineira !

Protecionismo?? É isso mesmo! Chame do que quiser. 

Ora, se os gringos vêm se instalar aqui e ganhar os TUBOS,  ao menos deveriam ser obrigados a  empregar somente pessoas locais!

 

4) Mandava fechar a 'Carrocinha local' -  que só pega  os cães que têm coleira  para  depois cobrar para devolvê-los aos donos ! ( *&^%^$#@*!!! )

 Dá pra acreditar??  Pois é verdade.

Temos duas amigas  daqui  que tiveram seu cão  sequestrado  levado pela 'carrocinha'  e que  depois  passaram o maior sufoco para conseguirem levá-lo de volta pra casa.     O cão tinha coleira e atestado de vacina , mas como todos os cães em Jeri,  circula livre pelas 5 ruas da cidade.

Ou seja:    A 'Carrocinha'  em Jericoacoara   só sequestra   leva os cães que têm donos.  Os que são realmente homeless ( sem coleira)  são deixados nas ruas pois afinal,  quem é que  vai pagar para soltá-los??

Que NOJO!

 

Sabem o que mais??

A prefeita Pâmelli  mandava vacinar e esterelizar TODOS  eles ( os com dono e os sem dono). Metia uma coleira em cada um dos 'de rua'  dizendo  (  Cão de Propriedade da Prefeitura de Jeri) e obrigava cada dono a fazer o mesmo na coleira de seu cão ,  com seu nome e endereço!    Isso acabaria de vez com  a  existência  da maldita, (além de  corrupta !)  ' carrocinha'.

A verdade é que os cães  de rua   fazem parte do décor de Jeri - assim como as dunas, a praia e o windsurf !   Muitos ( os de coleira)  inclusive já foram 'adotados' pelos  habitantes e comerciantes locais .  Os outros,  mesmo sem dono,   são visivelmente  saudáveis e bem alimentados (pelos  turistas ou donos de restaurantes locais...).  Em uma semana aqui, não vi um único magricelo ou com perebas (  provavelmente graças aos banhos de mar que  devem tomar regularmente...lol) circulando pelas 5 ruas da cidade!

 

5) Metia paralelepípedos em todas as ruas ( lugar de areia é NA PRAIA!)    Nada de ruas de areia.  ( Coisa mais primitiva e anti-higiênica...)

Depois de tomar banho e tirar o sal e areia do corpo, quem quer voltar a pisar nela??

 

 

6) Mandava demolir aquela ruina  bem no meio da  rua principal e limpar todos os cantos e lixos nas ruas.

Instalava uma bela lixeira em cada esquina da cidade com uma placa  dizendo ' Eu amo Jeri - por isso jogo o lixo AQUI! '

 

7) Mandava construir uma clínica de primeiros socorros com heliponto e conexão direta com Fortaleza.  Afinal, lugar onde se pratica windsurf e kite-surfing é cheio de 'contra-tempos' .

(Agora mesmo,  no C.D.V.  há um  jovem turista alemão com o pé quebrado e enfaixado...)

 

Por fim...

 

8) Abria  um cineminha na cidade , ( uma espécie de 'Cine-Bardot'  igual ao de Búzios...lol)  que mostraria principalmente  clássicos franceses, italianos, americanos e brasileiros e ocasionalmente algum filme recente do Woody Allen ou Almodóvar... ( Mas nada de 'Xuxa e os Duendes' ,  filme de  terror ou pancadaria!! )  Afinal, cinema tambem pode ser cultura...

 

 

E então?

Vai dizer que a Pâmelli não daria uma prefeita e TANTO ?? lol

 

ABAIXO O CORONELISMO, A CARROCINHA  CANGACEIRA E  A CORRUPÇÃO  NA REGIÃO !

 

 

 

 

sinto-me: Quase me candidatando...
publicado por Pâmelli às 21:55
link do post | Comentários | ver comentários (9) | favorito

.Mais sobre mim

. Meu Livro

COPADRAMA

- A Brazilian Tragicomedy

(um romance em inglês de I. Pamelli M.)

. Comprar na AMAZON.com

.Janeiro 2018

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30
31


.posts recentes

. O caso da 'carrocinha' de...

. Caminhada ao longo da pra...

. Jeri - Altos e baixos...

.arquivos

. Janeiro 2018

. Novembro 2017

. Junho 2017

. Abril 2016

. Julho 2014

. Junho 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

.tags

. todas as tags

blogs SAPO

.subscrever feeds