Quarta-feira, 27 de Fevereiro de 2013

Aftas monstras, nunca mais!

 

Hoje eu venho aqui no blog para escrever sobre um assunto que eu raramente abordo :  “doença” , ou  se preferirem,  “um certo problema de saúde...”, lol. 

 

Acontece que há algum tempo atrás,  sozinha e sem ter qualquer formação médica,  fiz uma descoberta  e tanto sobre um problema que vinha me atormentando  há ANOS,  e que nestes últimos tempos tinha ficado realmente fora de controle.

Estou falando sobre aftas.  Isso mesmo, aftas! {#emotions_dlg.barf}

.

Desde pequena , sempre tive a tendência a acidez e volta e meia , principalmente após tomar mais limonada ou suco de laranja do que o normal,  vai que lá me aparecia uma afta na boca.

O problema é que depois que vim para o Texas , há dez anos,  este meu “handicap” piorou consideravelmente – não sei se pelo fato da comida aqui ser excessivamente picante,  por eu ter passado a beber vinho com mais frequência do que fazia quando morava no Brasil , ou simplesmente porque estou mais velha, na perimenopausa,  e portanto com os hormônios mais desequilibrados .

O fato é que depois que vim para cá,  as aftas  realmente passaram a me atacar  com muito mais frequência e de maneira muito mais violenta , dolorosa e longa. {#emotions_dlg.sad}  Um verdadeiro HORROR!

 

A verdade é que parece que médico nenhum – mesmo aqueles “de boca”,  que deveriam saber  o que causa afta e como tratar delas once and for all!  - parece saber realmente como lidar com este problema de maneira eficaz.  Neste últimos anos, consultei mais de um deles, ( clínico-geral,  otorrino, ginecologista , dentista... )  e sempre ouvi a mesma estória:    “Não sabemos exatamente o que causa afta.  Pode ser hereditário.  Pode ter um componente hormonal, talvez  de stress. É certo que  piora com vinho, limão,  coisas ácidas etc. . Blá, blá, blá... "Mas o fato  é que nenhum deles conseguiu me dar uma explicação satisfatória e muito menos  solucionar o meu problema.  

 

Chegou ao ponto onde eu simplesmente não podia mais tomar um gole de vinho tinto sem que no dia seguinte me aparecesse uma afta na boca!  E o pior :  elas  eram enormes,  doloridas e chegavam a durar até  duas semanas!  Eu mal podia falar,  tinha dificuldade de comer,  acordava no meio da noite com o troço me incomodando.  E  para completar a desgraça,  mal uma terminava,  já aparecia outra nova! Ou seja, eu passava quase o mês inteiro com afta. Absolute horror!

 

Foi aí que ,  cerca de um ano atrás,  resolvi entrar na internet e realmente pesquisar sobre o assunto ( Já que pelo visto,  como este problema ataca um número relativamente pequeno de pessoas no mundo,  ao que parece,  os médicos  e cientistas estão bem se lixando pra ele! {#emotions_dlg.annoyed})

 

A primeira coisa que descobri é que o vinho ( principalmente o tinto)  é o meu pior inimigo . (INFELIZMENTE ! -   pois eu , como qualquer pessoa civilizada do planeta, se pudesse tomaria minha taça de vinho a cada refeição).

No auge da minha crise,  bastavam dois goles de vinho e no dia seguinte eu  já estava com afta!    Às vezes  as desgraçadas  apareciam mesmo sem eu ter bebido nada durante SEMANAS!  Bastava um molho de tomate mais forte,  um molho mais picante e POW ! – lá estava eu de novo com a boca ferrada.

 

Mas, voltando à minha pesquisa...

A segunda coisa que descobri é que  podia fazer uso de alguns suplementos e “medicamentos” para me proteger, formando uma espécie de ‘armadura contra as aftas’ no meu corpo,  e desta forma  aumentar minha imunidade ANTES da desgraça ocorrer.

 

Então, aqui vai a lista do que eu gosto de chamar de "meu pequeno arsenal amigo" , lol,  - o que finalmente me livrou ( ou pelo menos controlou de maneira eficaz) o meu tormento.  ( Melhor do que isto, só mesmo uma cura definitiva ...mas isso eu duvido que alguem invente! )    

 

1)  A pasta de dentes :  quem tem tendência a aftas, não deve usar pastas de dente ‘branqueadoras’ pois estas são especialmente abrasivas.  Aliás, o melhor é escolher uma que seja SLS ( sodium sulfate free) , ou seja:  sem  lauril sulfato de sódio.    Aqui nos E.U.  a que eu uso é a Tom’s Clear & Gentle,  que não tem o tal sulfato...  Estas pastas são mais raras de se achar, mas vale descobrir qual é a que tem no seu país.

 

2) Descobri um anti-ácido chamado PRELIEF.   São comprimidinhos feitos principalmente de magnésio e cálcio ,  que você toma ENQUANTO come ou bebe algo mais ácido  - um vinho, uma massa com molho de tomate, um chocolate, uma limonada etc.  Normalmente toma-se duas delas com cada alimento ou refeição ‘ácida’ e elas neutralizam o seu efeito.  E o melhor:  não modificam o gosto da sua comida , nem do vinho.  Simplesmente cortam a acidez do alimento ou bebida, NA HORA.  ( Eu não saio mais de casa sem  o meu Prelief dentro da bolsa...).

 

3) Para a higiene bucal da noite:  ORAGEL ANTISEPTIC RINSE  -  Use após escovar os dentes, antes de dormir.    Ele é gostoso e ajuda a matar qualquer início de afta que esteja pensando em surgir na sua boca.  ( Se já estiver com afta,  use até  4 vezes por dia, após as refeições).

 

4) KANKA   um líquido anestésico -  este é só  para quando a afta já chegou.  Mas se puser logo no início, várias vezes por dia,  ele acaba com ela em dois dias.  Nota:  o bicarbonato de sódium tambem é bom pra 'queimar' a afta, duas , três vezes por dia...

 

5)  E,  last but not least,  o suplemento vitamínico AFTA ZEN -   este é o mais caro e que eu saiba só pode ser comprado online.  Sua composição inclui vitamina B, zinco e aloé vera , o que  dará ao seu organismo uma ‘resistência contra futuras aftas’.  Seu efeito maior começa depois de 45 dias.  Tome duas cápsulas toda noite, antes de dormir.   ( Quando em crise, pode tomar até 6 ).

 

Nota: Estes produtos são encontrados nos E.U. , mas a maioria deles pode ser comprada online. 

 

Enfim,  espero que isto seja útil para quem estiver sofrendo e desesperada com aftas crônicas, como eu estava até cerca de um ano atrás.  

Hoje,  é muito raro eu ter uma afta  e quando acontece,  ela vem pequena,  pouco me incomoda e já vai embora em dois dias!  Eu voltei a comer de tudo ( pizza , massa com molho de tomate,  chocolates e até mesmo  uma ou outra taça de vinho, de preferência em dias  espaçados...).

Você ainda terá que fazer uma certa ‘abstinência de álcool’ e tomar pouco café ou chá preto ( eu simplesmente mudei para as versões descafeinadas...) , mas com o seu  ‘pequeno arsenal amigo’ estará bem protegida!

 

Ao todo,  este arsenal milagroso contra as aftas me sai por volta de $80.00 por mês.  São cerca de $3.00 ( R$5.00 ??) por dia.

Algumas pessoas podem até achar que é muito, mas com certeza,  são aquelas que nunca realmente sofreram com o problema.  Pra mim,   isto é um bargain

 

 

Voilà.  Esta foi a minha descoberta  e que para mim, pelo menos,  tem funcionado muito bem.   Achei que deveria postar no blog pois se tivesse lido isto anos atrás,  teria me poupado de muita frustração e sofrimento desnecessário.  

 

E agora fui!  -  preparar o meu jantar,  que hoje vai ser "Ravioli ao molho de tomate" ( acompanhado , naturalmente, de uma boa taça de vinho...)  {#emotions_dlg.smile}

 

 

 

 

 

 

 

sinto-me: Protegida contra as aftas
tags: , ,
publicado por Pâmelli às 00:10
link do post | Comentários | ver comentários (45) | favorito

.Mais sobre mim

. Meu Livro

COPADRAMA

- A Brazilian Tragicomedy

(um romance em inglês de I. Pamelli M.)

. Comprar na AMAZON.com

.Julho 2018

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28

30
31


.posts recentes

. Aftas monstras, nunca mai...

.arquivos

. Julho 2018

. Janeiro 2018

. Novembro 2017

. Junho 2017

. Abril 2016

. Julho 2014

. Junho 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

.tags

. todas as tags

blogs SAPO

.flag counter

free counters

.subscrever feeds