Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Parada Essencial

Benvindos ao "Diário politicamente incorreto da Pâmelli" - uma brasileira/americana childfree, residente nos E.U.A. desde 2003 Viagens, cultura, desabafos e muito mais!

Parada Essencial

Benvindos ao "Diário politicamente incorreto da Pâmelli" - uma brasileira/americana childfree, residente nos E.U.A. desde 2003 Viagens, cultura, desabafos e muito mais!

Um documentário para se ver!

Pâmelli, 22.02.10

 

 

 

 

Categoria de post:  Verdade inconveniente   ( to say the least!)

 

 

E falando sobre a festa do Oscar que será no dia 7 de março...
 
De todos os filmes concorrendo este ano, o meu preferido não é nenhum dos longa- metragem e sim o documentário ‘The Cove’. ( Creio que ainda sem tradução para o português, mas seria algo como ‘A Enseada’ ...)
Este sim, espero realmente que ganhe , pois penso que  TODO O MUNDO   precisa saber do que acontece na cidade  costeira de Taiji,  no Japão!  
A vergonha, o escândalo, as atrocidades cometidas todo ano contra milhares de golfinhos! ( São mais de 23.000 mortos anualmente!! )
 
 
‘The Cove’ é um filme difícil de se ver. 
Mas é tambem uma obra de arte em  termos de fotografia, música e principalmente em sua mensagem de luta em defesa dos golfinhos no mundo inteiro. 
E o homem por trás de tudo isso se chama Ric O' Barry.
 
Foi ele quem nos anos 60 capturou e treinou os cinco golfinhos que foram usados no papel de 'Flipper ', na famosa série televisiva .   Com o passar dos anos, contudo, O ‘Barry se convenceu de que os golfinhos que vivem em cativeiro ( mesmo em lugares ‘lindos e alegres’ como o Sea World nos E.U.A....) sofrem de estresse e depressão.  Muitos  inclusive  vivem sob medicação e têm  úlcera!   Aliás,  segundo ele, Cathy ( uma das golfinhas treinadas por ele e usada da série 'Flipper')   acabou por se suicidar em seus próprios braços.
 
Mas tudo isso não é nada  quando comparado ao HORROR  que acontece todo ano em Taiji no Japão!
Lá, em  setembro,  ( que é quando milhares de golfinhos aparecem na região...) , aqueles que não são presos e levados para trabalhar nos circos aquáticos ao redor do mundo, são pura e simplesmente assassinados a sangue frio   pelos pescadores locais.
Os japoneses não consideram  os golfinhos ‘baleias’ pois são ‘pequenos demais’. E o mundo, que já pressiona ‘demais’ o governo japonês por causa da pesca da baleia, simplesmente fecha os olhos quando o assunto é a matança dos golfinhos.
Em Taiji, TODOS os golfinhos que não são escolhidos para trabalharem nos ‘Sea Worlds’ ao redor do mundo, são mortos e têm sua carne vendida  para ser consumida.  Sim,  muitos japoneses comem  carne de golfinho  ! ( Dá pra acreditar??!). Mesmo sabendo que a  carne de tais animais costuma estar  cheia de mercúrio... Ou seja:  além de assassinos dos cetáceos ,  são tambem kamikazes!
 
O que acontece na cidade de Taiji no Japão  é um dos maiores escândalos ecológicos no Século XXI.     E tudo é feito escondido do público, já que  a imprensa é proibida de mostrar o que se passa todo ano  naquela ‘Enseada do Horror’.
 Mas O ‘Barry e seus amigos ativistas conseguiram penetrar no local , à noite, disfarçados com roupas de selva  e carregados de câmeras especiais  que instalaram nas árvores e até mesmo debaixo d’água.  O resultado é o documentário 'The Cove'.
 
  O ‘Barry  precisa subir  ao palco do  Kodak Theater com sua estatueta  este ano,  pois só assim poderá FALAR ao vivo ( e pelos golfinhos!)  para mais de 1 bilhão de pessoas no mundo. 
Então, no dia 7 de março , ao assistir a Cerimônia do Oscar, torça você tambem pela vitória de ‘The Cove’ como melhor documentário de 2009.
 O mundo precisa saber o que  realmente acontece em Taiji e algo precisa ser feito para acabar de uma vez por todas com  tamanha  atrocidade.
( E a propósito... A desculpa dos japoneses é de que os golfinhos COMEM PEIXE DEMAIS e assim prejudicam a indústria da pesca no Japão. É mole??)
 
 Por que até o dia de hoje nenhum  cientista ou oceanógrafo ainda não inventou uma espécie de  call system para os golfinhos e baleias ?  Algum tipo de sonar , sei lá, que os espantasse e  mantivesse a vários e vários quilômetros do pior lugar do mundo para os cetáceos:   a costa japonesa!  ??
No final das contas , ao que parece,  eles não são tão inteligentes quanto se pensava.  Se fossem mesmo , teriam a capacidade de AVISAR uns aos outros ( um ou outro deve  conseguir escapar da matança...)  para que evitassem de entrar naquela maldita enseada!
' Ei,  companheiros,  fiquem longe da costa japonesa e principalmente da cidade de Taiji!  Já ouviram falar na  costa da Flórida?  No balneário de  Galveston no Texas?  ?  Em Fernando de Noronha no Brasil?  Pois é.   Nestes lugares os turistas fazem até passeio de barco  ( Dolphin Watching)  só para nos verem nadar no mar!   Lá nós somos livres, admirados e ainda por cima protegidos pela lei!! '
 
Já pensaram o que as pessoas vão dizer de nós daqui há uns 50,  100 anos?
'Que bárbaros!  Como podiam  ser tão primitivos e ainda fazer isto em pleno Século XXI' ?
Sim,  do mesmo jeito que falamos hoje em dia ( cheios de desprezo)   dos antigos romanos e suas vítimas cristãs no Coliseu ou dos  mercadores de escravos durante o período colonial.
 
 Então sendo  assim ,
ABAIXO AS 'TRADIÇÕES'   MILENARES (  E ESCABROSAS)  TAIS COMO A PESCA DA BALEIA E  A MATANÇA DOS GOLFINHOS PELO JAPONSESES,  A PRODUÇÃO DE FOIE GRAS NA FRANÇA , A CAÇA A RAPOSA NA INGLATERRA E , LAST BUT NOT LEAST, AS TOURADAS!
 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.