Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Parada Essencial

Benvindos ao "Diário politicamente incorreto da Pâmelli" - uma brasileira/americana childfree, residente nos E.U.A. desde 2003 Viagens, cultura, desabafos e muito mais!

Parada Essencial

Benvindos ao "Diário politicamente incorreto da Pâmelli" - uma brasileira/americana childfree, residente nos E.U.A. desde 2003 Viagens, cultura, desabafos e muito mais!

Aniversário

Pâmelli, 16.02.09

 

Ontem completei 43 anos!   Nada mal. :-)

 

Muita gente gosta de dizer que fica deprimida no seu aniversário.  Eu não .

 Aliás eu gosto muito  de fazer aniversário!   Sempre gostei.  Pra mim é natural pensar que hoje tenho 43...No ano passado tinha 42 ...E no ano que vem terei 44!

 

Gosto de receber os parabéns ( não por ter realizado nada de especial :-)) mas simplesmente pelo fato de ter NASCIDO  naquele dia.  lol   (  Eu não fiz nada -  e ainda assim as pessoas acham que neste  dia,  eu sou especial .

Elas te  ligam... Elas te mandam cartões.  Algumas te dão presentes!

 

Eu adoro ganhar  presentes  -  não importa que 

 sejam caros,  simples, úteis ou completamente inúteis...Gosto de tudo que me dão. 

Tambem gosto de dar presentes ( escolher, comprar...) para os outros.

Muita gente tambem costuma se torturar , pensando se o presente que compraram para alguem vai agradar. 

Eu não.

Simplesmente procuro algo que,  acredito , será do gosto da pessoa e faço-o com carinho e boa vontade. 

Se depois a pessoa não gostar ,  azar -  o SEU,  que não soube apreciar a minha gentileza!  Afinal,  um presente é algo que deveria sempre ser encarado como uma 'gentileza' -  jamais uma obrigação.

 

 

 

Meu marido não é do tipo que me dá presentes o ano todo.  Mas nas datas importantes e especiais ( aniversário, Valentine's, aniversário de casamento,  Natal...) , ele sempre capricha e como sabe muito bem do que eu gosto,  sempre acerta  na mosca!  lol

 

Para Valentine's ganhei uma garrafa de Chateauneuf-du-Pape ( meu vinho preferido),  um bloc de foie-gras,  rosas e um livro de contos de Jonathan Swift ( afinal ele acabou de chegar da Irlanda...:-)) .

Para o aniversário,  um belo anel de ouro ( 18k -  pois no Brasil algo de menos de 18k não é propriamente considerado uma 'jóia'...:-)) com uma pedra muito diferente chamada 'lemon quartz' , de um amarelo vivo e meio esverdeado.  Bem moderno e original.    Gostei demais!

 

Ontem, dia 15 ( o do aniversário)  ao invés de sairmos para jantar fora,  resolvemos ir comer um brunch em um restaurante bem tradicional aqui de Austin.

Chama-se ' Green Pastures'  e fica em uma antiga  casa  vitoriana  ( no estilo 'sulista americano'  ) de 1895.   Funciona como restaurante desde 1946.

A comida é o que se poderia chamar de 'southwestern'  , com uma forte influência francesa...:-) 

Belo lugar.  Muito calmo, romântico,  rodeado de jardins e....pavões!    

 

O Sunday Brunch  do G. P.  é famoso na cidade.  

Começa com um delicioso aperitivo ( uma espécie de 'batida'  de  sorvete de baunilha,  brandy, bourbon e rum ! :-))) ,  seguido de  um buffet completo com as mais variadas saladas, carnes, (  prime rib,  rosbife, rolinhos de codorna ao bacon etc...)   muffins com ovos ao molho  hollandaise,  cuscuz e muitas outras coisas.

E é claro que não podia faltar o pianista !  -  um must em todo brunch que se preze...:-)

 

Aliás,  o brunch ( este casamento do breakfast e lunch ..) é uma ótima pedida para um domingo - especialmente em se tratando de uma data especial. 

As pessoas acordam tarde e depois saem para tomar um ( Super Completo!) café da manhã   , que já serve como almoço (  e , dependendo do caso,  jantar tambem!).

 

 

Da próxima vez que você ou alguem próximo a você fizer aniversário,  considere um brunch ao invés de sair para almoçar ou jantar fora. 

O ideal é que seja num fim-de-semana e , se não estiver nos E.U.,  provavelmente terá de seguir para um hotel muito bom de sua cidade -  de preferência um em estilo bem 'americano'  tipo,  Sheraton, Ceasar Park ou Four Seasons.

O preço varia entre 30.00 e 40.00 dólares por pessoa -  ou seja,  o mesmo que se fosse  almoçar ou jantar em um bom restaurante.

No Rio um dos melhores  brunches que há é o do Copacabana Palace...

( E não,  este não é um dia para se fazer dieta ! :-)

 

 

Anyway,  fazer aniversário é sempre bom.

Fazer 43 anos é MUITO BOM! :-)

Penso que deva ser bom tambem fazer 50,  65,  78, 90!  lol

(Desde que você se sinta bem consigo mesma e não queira aparentar ser aquilo que não é , já foi ou gostaria de ser , tentando inutilmente voltar no tempo.)

 De fato,  seria muito triste se as pessoas voltassem a ficar jovens.  Muito triste mesmo .  Basta verem o filme do Brad Pitt  ' The Strange Case of Benjamin Button' .

Já imaginou voltar  novamente a ser  adolescente?  Criança ??

  Depois começar a  desaprender a ler,  a escrever,  a falar...a andar !  :-((

E por fim,  quando se tiver tornado um recém-nascido,  morrer.   

Não muito obrigada.  A natureza é sábia e as coisas são como deveriam ser.

O que me faz lembrar de um trecho de meu texto preferido ( DESIDERATA) :

"You are a child of the universe, no less than the trees and the stars you have a right to be here.  And whether or not it is clear to you,  no doubt  the universe is unfolding as it should..." 

 

 

 

 

Aos 43 anos  sinto-me muito bem -  apesar de nunca  ter feito nenhuma plástica, implante, botox etc...

Sinto-me  bem porque eu ACEITO e GOSTO da idade que tenho e não quero tentar  aparentar ter 23  anos ao invés de 43.

Tambem não tenho nada contra quem usa estes 'recursos'  da modernidade .  Por que não ??-   se a pessoa  acha que vai ficar mais atraente e feliz com uma ruguinha a menos ,  um nariz menor  ou peito mais levantado...

Só penso que estes 'recursos' devem ser usados assim como se usa um brinco bonito,  um vestido elegante,  um  bom perfume ...Não com o objetivo de  tentar  ANULAR  os anos vividos até então,   mas simplesmente para se  realçar  tudo aquilo  de bom,  de especial e único que se tem e que  faz parte de você  HOJE !  

 

 

Fazer aniversário é algo muito bom.

Celebrar os seus anos de VIDA (  e não a aproximação da morte,  como muitas pessoas costumam pensar...)  é muito bom!

É , antes  e acima de tudo , um PRIVILÉGIO.

 

 

 

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.