Sexta-feira, 17 de Janeiro de 2014

Primeiro post do ano

Puxa,  desde que voltamos da Flórida , ainda não tive tempo de passar pelo blog!

Afinal minha mãe estava aqui todo este último mês (dezembro e metade de janeiro) e guess what... Minhas aulas na U.T. já recomeçaram esta semana. Ufa!

 

No final das contas não consegui 'cumprir as metas' que tinha estabelecido para minhas férias de final de ano:  1) terminar o livro de História do Brasil, do Eduardo Bueno, que estou lendo há mais de um ano!  (É bem grossinho...);  2) terminar "Le Rouge et le Noir", do Stendhal, que comecei no final do ano passado e que, aliás,  estou achando um PORRE e 3) terminar a digitação do meu segundo romance (escrito antes do "Copadrama" e depois deixado de lado por anos a fio, mas agora por fim retomado...) 

Pois é.  Não deu pra fazer tudo, mas ao menos  fiz algum progresso. Agora o jeito é esperar o próximo intervalo das aulas...

 

Anyway,  as férias foram muito benvindas e estivemos não apenas na Flórida (em St. Augustine e Pensacola) , mas ainda passamos o Réveillon num cassino no balneário de Biloxi, no estado do Mississippi.  Sem falar numa parada de um dia em New Orleans!  (É que voamos para a Flórida, mas alugamos um carro e dirigimos todo o caminho de volta ao Texas...).  E por falar nisso,  ADOREI o Grand Cherokee que alugamos!! 

Ok,  o jeep pode até ser meio "brega" ( coisa de texano...), mas é MARAVILHOSO : super confortável, fácil de dirigir, espaçoso...Enfim,  o carro ideal para um road trip.

 

Quanto aos meus novos cursos na U.T...

Este ano eles são :  " Islamic Spain"  e "History of Rome- The Empire" . 

Parece bom , né?  Bem, pelo menos para quem gosta de História - ainda mais a européia! 

So far, minhas impressões são muito positivas: O professor da História de Roma tem um belo sotaque inglês e tanto a sua lecture quanto a da professora da "Espanha Islâmica" foram muito boas. 

Ainda nestas férias cheguei a tomar umas aulas de árabe.  Mas tive de interromper - de novo, por falta de tempo. 

 

Que bom seria se mudassem o calendário e o ano passasse a ter MENOS dias , com MAIS horas!  lol

Pra mim, por exemplo,  um dia que durasse 30 horas , ao invés de 24,  seria o ideal...{#emotions_dlg.smile}

 

 

E agora, algumas fotos de nossa viagem pelo Deep South ( o Sul dos E.U.A.) na virada do ano: 

1)Boardwalk ( Calçadão) em St. Augustine - em frente ao nosso hotel- indo em direção ao Forte... Delícia

 

2)O charmoso Hotel Casablanca, onde ficamos em St. Augustine.  Os quartos são meio apertados, mas o hotel é um charme e tem o melhor Happy Hour da cidade no seu Tini Martini Bar!

 

3) A longa praia de Pensacola, na Flórida.  Delícia de areia branquinha e água cor de esmeralda.

 

4)Vista do nosso hotel ( Holiday Inn Express) na Praia de Long Beach, no estado do Mississippi. Local calmíssimo e quase sem ninguém!

Contudo, o balneário de Biloxi , cheio de hotéis-cassinos, fica a apenas meia hora dali.  A praia não se compara com as da Flórida, mas é longuíssima e tem a areia bem branca.  Sossego total. {#emotions_dlg.smile}

 

5)Dentro do Hotel-Cassino "Beau-Rivage"( que também tem em Las Vegas)  , em Biloxi (Mississippi). Lá passamos a noite do Réveillon e perdemos alguns dólares na roleta, lol.    ( Lá em casa, ninguém é realmente jogador...)

 

 

 

sinto-me: Descansada após as férias
publicado por Pâmelli às 16:56
link do post | Comentários | favorito
|
Terça-feira, 30 de Julho de 2013

Blog Update - Dos estudos e da saúde!

Dos estudos                                                            ,

Afinal já voltei para Austin e retomei meu programa de verão na U.T.

Apesar de todo o stress naquele curso sobre “Racismo e violência no Brasil”, e de minhas “ intensas participações ”  (contradizendo muito do que vinha sendo ensinado em classe, de maneira totalmente distorcida e parcial!), a professora achou que eu mereci um A . Isso é que é democracia de verdade!! lol )  Já imaginou se eu estivesse em uma escola ou faculdade no Brasil,  com um daqueles professores petistas radicais,   e me atrevesse a mostrar em classe  o meu lado  “das elites” ??   Era BOMBA  na certa ! - não importa se tivesse bons ou maus argumentos,  se escrevesse bem,  ou se  fizesse todos os trabalhos exigidos pelo curso.

Já aqui, no U.S. of A,   a professora chegou até a me dizer que “apreciava as minhas contribuições apaixonadas…”  e que nós simplesmente teríamos de “agree to disagree” ( Concordar em discordar).

Anyway,   o curso terminou ,  eu levei meu A e parti sem saudades.

 

Agora estou eu aqui seguindo o segundo curso de verão,  que ,  para variar ,  não estou gostando nada, nada.  Humph.  (Será que vai chegar o dia em que afinal vou fazer um curso na Universidade do Texas que  REALMENTE  me dê prazer??) Confesso  que já comecei a perder as esperanças e agora penso simplesmente  em completar o curso de História  e pegar o meu Bachelor’s Degree  nos próximos dois anos.  E pronto.  Afinal preciso aproveitar o fato de ter tempo para estudar, de ter sido aceita em uma boa e conhecida universidade,  e de ter um marido que não se importa em  “patrocinar meus estudos de  meia idade”! lol

Quanto à este  segundo curso de verão (“Comunicação no Oriente Médio”)  , o que de início me pareceu bem interessante,  no fundo é um estudo de “linguística” -  a meu ver,    a subdivisão menos interessante  no campo da  Antropologia. 

Enfim,  o que será , será.

 

Da saúde

Agora a boa notícia:

Pois bem,  meu experimento “natural” , (sem tomar o tal hormônio para a tiróide,  que o medico tinha me receitado)  ,  pelo visto funcionou e muito bem!

Minha energia voltou 100% ,  minhas tonturas passaram e a ansiedade  sumiu pelo  espaço sideral afora! (Ao ponto de  pela primeira vez minha pressão arterial,  em pleno  consultório médico,  ter ficado em 11,7!) 

 

Então aí vai uma nota pra você, mulher de meia-idade ( ou talvez não) ,  que anda se sentindo cansada,  sem energia, com ataques de ansiosidade:

Peça para o seu médico checar os seus hormônios!!  (progesterona, estrogênio,  tiróide e  cortisol).  E,  se o resultado der “hipotiroidismo” ( tiróide lenta),  antes de começar a tomar o hormônio,  tente primeiro  mudar o seu estilo de vida para melhor.

 

Eis o que você deve fazer:

-ginástica , natação ou caminhada rápida  pelo menos 4 vezes por semana, por no mínimo 30 minutos

-alimentação mais rica em frutas ( Framboesas são ótimas para o progesterona baixo!), vegetais e grãos naturais

-muita água, pouco álcool e pouquíssima cafeína ( Eu passei a tomar café descafeinado)

-Fuja dos refrigerantes! ( inclusive os dietéticos)

-Tome todos os dias suplementos de  ginseng ( Panax,  é o melhor!),  do  complexo B e ( nos momentos de ansiedade) de  Theanine , que é uma substância natural encontrada no  chá verde. (Se tomar o suplemento, ao invés do chá,  você evita a cafeína…). Tudo natural.

E last but not least,  faça o seu relaxamento com o Método Silva todos os dias,  ao acordar e antes de dormir,  por 15 minutos cada vez.  Sugiro que leia  o livro ou faça  o curso. ( A outra opção para relaxar é tomar aulas de ioga).

 

Para se ter uma ideia da eficácia desta "formula” ,  veja o meu caso por exemplo:   há apenas um mês e meio , meu número do hormônio da tiróide (TSH)   estava em  6.9  ( alto , e portanto com a tiróide lenta…).  Agora, caiu para  3.8 !  ( Lembrando que o  índice normal é entre 0,5 e 4,7).  Tudo isso sem tomar hormônio nenhum;  apenas seguindo o programa acima mencionado.

 

Meu medico me deu os parabéns, me dispensou da receita original do hormônio  (que eu nunca tomei) e me disse para voltar lá daqui a uns 6 meses,  “só pra ver se tudo continua como está”.  Agora,  o importante,  é claro ,   é não interromper o  programa!

 

 A verdade é que a maioria dos médicos aqui nos E.U.  ,  talvez  por já saber da falta de força de vontade do americano (principalmente no que diz respeito a dietas e exercícios físicos ), nem se dá ao trabalho de recomendar uma mudança no estilo de vida das pessoas.  Vão  e simplesmente passam  o hormônio,  o remédio pra diabetes,  pra pressão alta,  o antiácido, ou o diabo.    Afinal é muito mais fácil  para uma pessoa simplesmente se entupir de remédios do que mudar seu estilo de vida!

 

Mas você pode tentar tomar o  controle sobre sua vida e saúde. Por isso, vale a pena experimentar  o ‘programa natural para reequilibrar seus hormônios’  . Afinal,  como dizem os Americanos :  “  It can’t hurt!”. 

E é claro que ,   se não funcionar ou se você for mesmo  do tipo “couch potato” ( sem força de vontade ou disciplina para mudar seu estilo de vida sedentário, cheio de refrigerantes,  doces, frituras , stress em excesso e sono de menos…), sempre  sobra a opção de tomar o hormônio recomendado pelo seu médico . It’s up to you.  

 

-

 

 

 

 

                                                                                                                                        

sinto-me: Novamente energizada!
publicado por Pâmelli às 20:18
link do post | Comentários | favorito
|
Terça-feira, 5 de Fevereiro de 2013

Primeiras Impressões da Universidade do Texas

Ufa!

Tá difícil de atualizar o blog nestes dias de U.T. !!

 

Mesmo só fazendo dois cursos neste semestre,  parece que não tenho mais tempo pra nada,  e semana passada a Berlitz ainda inventou de me escalar para dar aulas de português todos os dias! ( Meu aluno lá é um escocês,  que trabalha em uma plataforma de petróleo da Chevron em Angola, mês sim, mês não...) 

Sem falar no curso de Latim que estou tomando  TODOS OS DIAS ! {#emotions_dlg.barf}.

 

 

Minhas impressões , so far,  depois de três semanas na Universidade do Texas,  são as seguintes:

 

-Primeiro:  Os professores são mais jovens ( na faixa dos trinta e poucos , ao invés dos cinquenta e muitos...) e muito mais preparados do que os do ACC.  ( Ora,  também a mensalidade da universidade é só dez vezes mais cara!!)

 

-Segundo:  os alunos ,  são todos bem jovenzinhos ( na faixa dos vinte anos),  com uma ou duas exceções -  ao contrário do ACC, onde tinha muita gente na faixa dos trinta e até mais...  Além disso,  dá pra ver que ali na U.T. , a garotada tem $$$$ .  (Bom,  pelo menos uma boa parcela dela...) .  São bolsinhas Louis Vuitton pra cá, casacos da North Face pra lá....

 Sobretudo, nestes dias de frio,  fica bem claro ver quem é do Texas  e quem vem de outros estados "mais sofisticados":   É que aqui quase ninguém usa o "manteau" , no estilo clássico europeu... Mesmo em dias de frio intenso!  Já os americanos de outros lugares , principalmente na Costa Leste, sim.

Devo dizer tambem que meus coleguinhas são ótimos - não apenas com o Q.I. BEM  mais elevado do que a média do ACC..., mas tambem muito legais uns com os outros - inclusive comigo, que sou a "velhinha coroca" da turma! lol  (Somente no meu curso de Civilização da Grécia Antiga é que tem mais um "velho", cinquentão, {#emotions_dlg.secret} que nem eu , hehe...).

 

-As salas de aula, tanto da U.T. , quanto do ACC ,  são basicamente iguais.  Todas boas e equipadas com computadores e multimédia , mas sem muita frescura.   Contudo,  o campus da U.T. é  IMENSO,  com vários prédios muito bonitos e imponentes. Uma verdadeira cidade dentro da cidade. Além disso,  o Union Building , tem vários salões  enormes e decorados de maneira elegante e confortável, para  se estudar.  Coisa boa mesmo:  com lareiras, poltronas reclináveis, sofás etc.

 

-Por fim,  estou tendo de pegar o ônibus para ir até a universidade.  Impossível arrumar vagas por lá!

A boa coisa é que agora ando HORRORES , dentro e fora do campus.  ADEUS  sedentarismo obrigatório do estilo de vida americano! {#emotions_dlg.smile}

Estou até com a esperança de perder um ou dois quilos,  sem ter que fazer dieta!  lol

 

Enfim,  so far, minhas impressões são muito boas.

Os dois cursos, que estou seguindo são difíceis , mas muito bem dados e interessantes.

Contudo, ( e Virgílio que me perdoe...)  essa estória de ter aula de Latim todos os dias é meio sacal.  Não sei.  Vou deixar passar o semestre e ver se continuo mesmo neste Major de " História Antiga e Civilização Clássica", ou se mudo pra outra coisa mais "contemporânea" e que principalmente não me obrigue a estudar Latim por 6 semestres! We shall see.  

 

---

 

De resto , a novidade é que viajamos até Baltimore , no estado de Maryland no fim de semana passado para o aniversário de meu sogro de 85 anos.

Como sempre quando vamos lá,  dei minha escapulida até Washington!

Desta vez,  tinha uma exposição de uma única escultura do Michelangelo ( ou é o Apolo ou é o Golias...) no National Gallery e outra ( fantástica!) sobre "desenhos de mestres do Século XIX",  incluindo peças de Monet, Degas e Seurat entre outros. 

Ah,  e no I-MAX do Museu de História Natural,   está passando um filme em 3-D sobre dinossauros voadores....

Washington, como sempre,  é SHOW!

 

 

E agora, alguns shots da U.T. e o seu imenso campus.  Ao todo, cerca de 50.000  alunos estudam lá. 

 

1)  

 O "Tower Building" -  a Torre-  fica no coração do campus, e é o símbolo da Universidade.  O prédio é administrativo.

 

 

2)

Do campus,  a vista  do Capitólio,  ( toda capital de estado americano tem um...) , no centro de Austin.  Alí estamos bem pertinho  de  downtown .

 

 

3)

O "Waggener Building" é o do Departamento de "Clássicos".  É lá onde tenho minha aula de "História da Grécia Antiga".  No momento , estamos estudando 'As campanhas de Alexandre o Grande...'  {#emotions_dlg.smile}

 

 

 

 

sinto-me: Como uma malabarista do tempo
publicado por Pâmelli às 15:07
link do post | Comentários | favorito
|
Sexta-feira, 11 de Janeiro de 2013

Estudante de meia-idade

 

Ok,  o ano já começou e tenho novidades! 

 

Bem,  quem acompanha o Parada  já  há algum tempo , sabe que o ano passado me formei do Community College aqui em Austin e tirei o meu Associate's Degree (correspondente ao segundo ano na Universidade ) em Antropologia.

 

Pois é.

Acontece que no final do ano passado , sem dizer nada à ninguém ( nem mesmo ao meu marido...),  resolvi  fazer o meu application para entrar na Universidade do Texas ( conhecida localmente como a " U.T."  ...) e ver no que dava.

 

Ora,  a U.T. é a mais famosa universidade do Texas e recentemente passou para o número 25 entre as melhores do mundo.   Sendo assim,  como bem se pode imaginar, não é nada fácil ser admitido como aluno. 

Mas guess what... Eu fui! {#emotions_dlg.smile}

 

Primeiro eu pensei:  O que tenho a perder?

                                Me inscrevo,  e se não fôr aceita, ninguém vai sequer saber que me inscrevi!

 

A média para ser aceita na Universidade do Texas é de 3.2  ( um B alto...) e a minha no ACC era de 3.5.

Mas não basta só isso.  Outros fatores tambem contam;  entre eles raça ,  nacionalidade,  os dois ensaios que temos de escrever, nossa experiência de vida e trabalho (se houver).

 

Sendo assim,  aproveitei para me colocar na categoria de "latina" , ao invés de branca ... lol  , e de "brasileira, naturalizada americana..." - o que automaticamente me colocou em uma posição privilegiada no que diz respeito à política da universidade de  "cotas para as minorias" .  

Tambem  falei-lhes sobre o meu trabalho de mais de vinte anos como professora de inglês, francês e português nas escolas Berlitz do Rio,  em Lisboa e em Berlim.  E por fim,  (essa é que foi  a tacada de mestre! lol ),  escolhi um tema para o meu ensaio , que penso eu,  até hoje dificilmente deve ter sido abordado  por um(a) aluno(a) em vias de entrar  na universidade:  a MENOPAUSA!!! {#emotions_dlg.happy}

 

Meu  texto sobre o assunto  foi muito positivo e otimista -  aliás,   intitulado "A New Beginning"  (Um novo começo). 

Nele eu falei, entre outras coisas,  das "vantagens da menopausa" , principalmente para quem nunca quis ter filhos ou já teve os que queria... lol, além de mencionar todos os suplementos vitamínicos que existem hoje em dia no mercado, para diminuir os seus sintomas mais desagradáveis.

(Afinal,  aos  46 anos,  sei que em breve estarei chegando lá.  Então , desde já , comecei a me informar sobre tudo o que uma mulher pode fazer para passar por esta fase , da melhor e mais saudável maneira possível).  

Pelo visto quem  leu o meu texto , gostou . Ou , vai ver , ficou com pena de mim, pensando que já estou sofrendo com os sintomas !lol

 

O fato é que  a carta me parabenizando pela admissão chegou no final do ano passado e meu  marido ,  que nem sabia que eu tinha "aplicado" , primeiro ficou chocado e com o queixo caído,  depois o choque virou surpresa e por fim se transformou em orgulho. {#emotions_dlg.smile}

 

Ok, então agora vou ser uma aluna de meia-idade da U.T.  e semana que vem já começo os meus dois cursos em "História da Grécia Antiga" e Latim.

Resolvi mudar  o meu Major , de Antropologia , para " História Antiga e Civilização Clássica".

(O bom aqui nos E.U.  ', é que os dois primeiros anos são praticamente iguais para todo o mundo,  com várias  matérias obrigatórias e ,portanto, se no meio do caminho você resolver mudar de Major, tudo bem).

 

Finalmente,  os cursos na U.T. são BEM mais caros do que os do ACC!

Apesar disso, meu marido não se importou e até aprovou minha decisão e iniciativa.

 

Com certeza seria diferente se eu tivesse lhe dado essa 'facada' para comprar um vestido de festa, ou bolsa de griffe  no Mall ... Ou pior:   se , por estas alturas da vida, ( assim como mais de uma conhecida nossa por aqui...),   resolvesse  me submeter à  algum tipo  de tratamento de fertilidade ou inseminação artificial a fim de  "realizar o sonho de ser mãe depois dos 40 ".  

Arrrre...

 

 

 

sinto-me: Animada com os novos estudos
tags: ,
publicado por Pâmelli às 18:16
link do post | Comentários | favorito
|
Domingo, 29 de Julho de 2012

Dos estudos, da vida e da decadência do Império Americano

 

Categoria de post:  pensamentos,  desabafo

 

Tenho andado meio ocupada… Mas nem tanto. Lol

As “férias”  do verão já estão quase no fim ,  mas como sempre ,  me inscrevi em dois cursos durante este período, a fim de adiantar meu programa no Community College. 

O primeiro (o de “Governo do Texas” – ai que PORRE!)  era obrigatório ,  mas graças à Deus já terminou.  Coisa mais chata :  curso de política local… – e ainda mais texana !   TUDO.  TUDO, o  que eu sempre sonhei.

 

Agora, finalmente estou seguindo meu último curso .  Sim,  depois de terminar este , tiro o meu Associate’s Degree em Antropologia!  (Acredito que no Brasil este tipo de diploma não exista .  Pelo menos na minha época lá não existia.)   O  A.A.  corresponde ao segundo ano da faculdade,  mas só é dado pelas Community Colleges.  Aqui é um diploma como se fosse o "primeiro nível" nos diferentes estágios de uma educação  universitária -  Associates’,  Bachelor’s, Master’s, Doctorate  etc… 

Em geral, quem tira o A.A.,  depois segue para uma faculdade convencional ( já ingressando no  terceiro ano),  podendo então  tirar o seu Bachelor’s Degree  após dois anos.  É o que estou pensando em fazer – mas ainda não decidi ao certo.

 

Mas, voltando ao meu último curso no Community College neste verão…

Este sim, está sendo bem interessante , pois trata-se de “Astronomia: o Sistema Solar” . {#emotions_dlg.smile}

É que eu ainda precisava de mais um  crédito na área de “Ciências” para terminar o programa. Então escolhi este, já que a última vez que estudei algo parecido, foi no final da década de 70!   -  quando estava no 3 rd  Grade  ( Terceiro ano primário) na Escola Americana no Rio!!   Pois é.  Plutão, então, ainda era considerado um planeta… lol

 

Anyway,  meu professor atual  é um senhor de certa idade e ,  como todo astrônomo,  um personagem interessante.  ( Uma amiga minha no Rio,  louca por astronomia e que vive fazendo os cursos do Planetário da cidade, sempre me disse que os astrônomos costumam ser pessoas muito cultas e interessantes – além , é claro,  de inteligentes! - e ela tem razão).

 

  Professor R.  não foge  a regra.   A única coisa,  é que  como é Americano ( e ainda por cima,  Texano!),  está naturalmente MUITO acima do peso.  Ele  sofre de artrite – provavelmente de gota tambem…- e anda e senta  com dificuldade.  Enfim,  está um caco para a sua idade ( que nem é tanta assim,  pois imagino que ele esteja entre os 60 e 70 anos).   

 

Mas basta olhar para ele para imaginar o estilo de vida que leva. 

Professor R.  já  entra na sala de aula carregando sua garrafinha de Coca-Cola  ( não duvido nada que sofra também de osteoporose,  já que refrigerante é péssimo para os ossos...)  e seu abdômem tem a circunferência quase tão vasta quanto os anéis  de Saturno!

Tenho certeza que ,  como a maioria dos americanos,  deve viver dentro de um carro,  levar uma vida ultra sedentária e comer muito mais do que deve - principalmente carnes.  Afinal,  estamos no Texas. {#emotions_dlg.confused}

 

É mesmo  terrível como as pessoas aqui nos E.U.  se acabam  antes do tempo!

É verdade que em geral vivem bastante -  afinal isto aqui é o Primeiro Mundo e remédios e tecnologia é o que não falta …-  Mas como vivem mal!!  E é tanta gente ainda relativamente “jovem” -  nos seus quarenta e poucos anos …-   já sofrendo de MONTES de doenças!  Um horror.

 

 Eu,  quando morava no Rio,  não  me lembro  de ouvir dizer que alguem com menos de 50 ou 60 anos,   sofria de gota , diabetes, pressão alta  etc.     Ora, uma mulher carioca de mais de quarenta anos,  classe média ( nem precisa ser rica) e  morando na Zona Sul,  muitas vezes parece uma moça de pouco mais de trinta!

Já aqui,  muito antes de bater os quarenta , o povo  já está todo gordo,  flácido,  cheio de pneus, celulite, vivendo com  problemas de coluna,  com o joelho arrebentado, com a pressão alta demais, sofrendo de  diabetes tipo 2  e o escambau.

 Viva  “The American Way of Life” no Século XXI!

 

O fato é que 99% dos americanos  comem mal e em excesso, vivem  com a B*NDA sentada  no sofa da sala ou dentro do carro,  não andam,  não se exercitam, praticam pouco sexo,  se matam de trabalhar, raramente saem de férias e vivem grudados  na internet e em seus malditos i-phones. 

Outro dia eu vi um anúncio no cinema que me deixou deprimida.  O cara dizia para o público: " Quem é que tem tempo hoje em  dia de ler um livro?  Faça o seu download no seu i-phone e OUÇA os livros que quiser... " 

 Arre,  quanta pobreza intelectual!

 

É nessas horas que eu lembro dos Founding Fathers.  Daqueles filósofos deístas ( Ben Franklin,  Thomas Jefferson...),  que fundaram este país e que eram  tão cheio de idéias brilhantes , de sonhos , coragem e determinação.  Eles acreditavam na América!  Mas hoje, devem estar se revirando em seus túmulos...

 

Enfim,  penso que minha aula de Astronomia com Professor R.  deveria ter sido muito, muito boa uns dez anos atrás -  quando suas veias, seus ossos e  suas pernas  estavam em melhor estado.   Hoje em dia ele mal se aguenta em pé e até fala com certo esforço, como se seu coração suspirasse em cada final de frase.  Sua cabeça de astrônomo é tudo de bom que lhe resta.   Uma pena, pois afinal o cara é gente fina. 

 

É quase certo que  se Professor R.  ensinasse Astronomia no Rio,  com certeza gozaria de uma saúde muito melhor  e aparência física muito mais jovem.  Por outro lado,   se morasse na “Cidade Pavorosa”,   estaria muito mais sujeito a morrer durante um assalto ou levar uma bala perdida quando fosse dar suas aulas no Planetário ou  em alguma universidade local. {#emotions_dlg.sad}

 

Como vêem… Não há lugar perfeito.

Ok.  Talvez o Lago de Como , onde mora o George Clooney,  ou  a Monte Carlo da Princesa Caroline ainda  se salvem...

 

 

 

sinto-me: Deprimida com os E.U. em 2012
publicado por Pâmelli às 20:54
link do post | Comentários | ver comentários (5) | favorito
|

.Mais sobre mim

. Meu Livro

COPADRAMA

- A Brazilian Tragicomedy

(um romance em inglês de I. Pamelli M.)

. Comprar na AMAZON.com

.Janeiro 2018

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30
31


.posts recentes

. Primeiro post do ano

. Blog Update - Dos estudos...

. Primeiras Impressões da U...

. Estudante de meia-idade

. Dos estudos, da vida e da...

.arquivos

. Janeiro 2018

. Novembro 2017

. Junho 2017

. Abril 2016

. Julho 2014

. Junho 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

.tags

. todas as tags

blogs SAPO

.flag counter

free counters

.subscrever feeds