Sexta-feira, 20 de Maio de 2011

Baltimore- exemplo ou inspiração para o Rio...

 Categoria de post:  diário/ turismo

 

 No último fim-de-semana voamos  até  o estado de Maryland , na costa leste dos E.U.  para assistirmos a formatura  do sobrinho de meu marido. 

A casa de meu sogro  (e sua segunda mulher), onde nos hospedamos,   fica na cidade  de  Columbia .

 Tudo muito bonitinho, com construções típicas ‘inglesas’ em tijolinhos. Tudo muito limpinho, calmo e  bem  planejado.   Em suma:   um ótimo lugar para aposentados  relativamente bem de vida se enterrar!! Lol  

 Ah,  mas há uma boa notícia:  Columbia  fica a apenas 50 minutos de carro de Baltimore e uma hora e meia de Washington D.C. !  {#emotions_dlg.smile}

 

 O vôo do Texas até Maryland  leva mais de 3 horas , (já que cruza metade dos E.U....)   e para alguem que já não é muito fã de voar, isso parece uma  ETERNIDADE. (  Principalmente quando não há qualquer comida ou filminho a bordo para nos divertir e ajudar a passar o tempo...). 

Então,  pensei:   já que tenho de envelhecer pelo menos 10 anos no vôo da ida e depois mais dez no da volta{#emotions_dlg.painatal} ,   por que não ficamos mais alguns dias em Columbia?? 

Afinal meu marido é o filho preferido de seu pai ( não é nada oficialmente  declarado,  mas para uma estudante de antropologia e estudiosa amadora da natureza humana como eu,  isto é bem óbvio!) ,  e  pode fazer a maioria de suas conference calls de casa.

E depois, quem  é que tem pressa de voltar pro Texas?? Lol   Eu é que não!

 

Enfim,  acabamos ficando por lá  quase uma semana, e enquanto meu hubby trabalhou,  eu ( que  agora estou  oficialmente de férias do Community College, pelo menos até semana que vem...)  aproveitei para explorar e conhecer melhor duas das mais  antigas e importantes cidades do período colonial americano :  Baltimore e Washington D.C.

 Sim, quem se lembra um pouco da história americana,  sabe que foi justamente alí, na Costa Leste dos E.U., que surgiram as  treze  primeiras  colônias americanas... 

 

Ah, como eu gosto do East Coast! {#emotions_dlg.smile}

 --

 Baltimore:

  Meu marido é original  de Baltimore, mas pelo que  pude perceber, na época em que morou lá ( há mais de 30 anos) a cidade não era lá grande coisa.  Havia , contudo, durante o período colonial,   sido um  importante porto comercial.

Além disso,  foi no porto de Baltimore, onde o hino americano , (o ‘Star-Spangled Banner’) ,  foi composto por Francis Scott Key, enquanto os ingleses tentavam bombardear e invadir o Forte Mc Henry  em 1812 -  e se deram mal!! {#emotions_dlg.happy}

 Mas no Século XX,  Baltimore entrou em decadência e virou uma cidade meio ‘barra pesada’ ; suja e  mal-frequentada ,  principalmente na área do centro e cais do porto .  ( Se tiver algum carioca lendo este post,  com certeza vai pensar:  'Epa,  acho que já vi esse filme...').  

 

 O fato é que ,  ao contrário de minhas boas e belas  recordações de infância no Rio dos anos 70 e 80  ( na época uma cidade linda, charmosa, sofisticada, boa de se viver, motivo de orgulho para os cariocas , que eram  então  bem humorados, confiantes e principalmente FELIZES!!  ),    meu marido nunca  me pareceu muito entusiasmado ou orgulhoso  ao falar de sua cidade natal.

 

Ah, mas  como  o mundo dá voltas  e como as coisas se inverteram desde então!!

Hoje,  quando volto ao Rio de ‘férias’ (na verdade,  apenas para visitar alguns parentes e amigos que continuam  por lá…),  minha vontade é só uma :  GRITAR de raiva  ou CHORAR de frustração; normalmente as duas coisas ao mesmo tempo.

 No entanto,   o dia que passei em Baltimore sozinha,  explorando o agora novo, limpo e  restaurado cais , (a área se chama Inner Harbor),  tive uma experiência completamente diferente:  eu me orgulhei daquele povo e daquela cidade e fiquei feliz por eles!

 

 Então,  quando  no final do dia  tomei o commuter bus de volta à Columbia e encontrei meu marido trabalhando online,  assim que ele desligou a ligação eu lhe disse o seguinte:  

  'Meu bem,  você pode e deve  sentir muito orgulho de sua cidade .  Baltimore seguiu exatamente o percurso inverso daquele percorrido  pelo Rio de Janeiro.  Se na sua época   não prestava,   hoje ela  é uma cidade bonita,  alegre, limpa  animada e cheia de turistas educados .  Aliás,  NADA   parecidos com  aquele  bando de  euro-trash  de quinta,  a procura de sex-turismo na orla carioca! ( É triste, mas a verdade é que turista de CLASSE mesmo , hoje em dia não vai mais para o Rio de Janeiro...)

  Da  próxima vez que viermos à Columbia visitar seu pai ,  você  deve tirar um dia de folga e redescobrir sua cidade.  Garanto que não vai  se arrepender! ’

 

Ele apenas me olhou meio surpreso , mas não duvidou de minhas palavras.  Afinal ele sabe que eu não sou de mentir e que meu defeito é justamente o de dizer algumas ' verdades inconvenientes'...lol 

 --

 Tudo começou  cerca de uns dez anos atrás, quando   Baltimore resolveu transformar o seu cais em um lugar turístico e bem frequentado.

 Sim,  aquilo mesmo que nós , cariocas,  há ANOS ,   ouvimos dizer que há 'um  projeto de revitalização do  cais do porto do Rio de Janeiro...’

Pois bem. Os  baltimorianos o fizeram!

 E eu que pensei que a Copa de 2014 e as Olimpíadas de 2016 ainda iam servir pra alguma coisa !!  Até parece.  ( E , a propósito,  na 'VEJA' de 4 de maio tem um ensaio do excelente Roberto Pompeu de Toledo – que ao contrário de mim adora e entende muito de futebol...-  onde ele  resume TUDO o que eu penso a respeito do Brasil  sediar a Copa! )

 

Mas enfim,  voltemos à Baltimore...

 

 O Inner Harbor  , que era ( alias,  igualzinho ao cais do Rio hoje em dia…) cheio de prédios caindo aos pedaços,  imundo, perigoso, mal-frequentado e deprimente …Hoje  transformou-se em um point turístico SUPER  animado – principalmente nos fins-de-semana. 

 Um lugar charmoso e cultural,  cheio de turistas alegres e , o melhor,  gastando dinheiro! {#emotions_dlg.smile}

 O Harbor está  rodeado de hotéis de luxo com vista para a baía,   restaurantes, cafés,  um shopping center, um  belíssimo aquarium, além de  vários museus interessantes.  Sim,  tem de tudo alí, para todos os gostos.   E  para completar,  o local é  servido por um agradável e eficiente sistema de water taxis . ( Por apenas 10 dólares por dia  você sobe e desce quantas vezes quiser nos barquinhos e segue para os diversos pontos turísticos  ao redor  da imensa  baía.   Uma delícia! {#emotions_dlg.pimp} )

Isso, sem falar nos enormes barcos de passeio, no  estilo bateau mouche parisiense, com almoços a bordo.

 

Sim , definitivamente, Baltimore está de parabéns !

(Quem dera que eu pudesse dizer o mesmo sobre a minha cidade natal...)

 

Vejamos algumas fotos:

1) Vista do Porto , do café de onde tomei o meu breakfast ... {#emotions_dlg.smile}

 

 

 

2)O 'Constellation' , de 1854 ,  aberto a visitação pública...

 

 

3) A 'Little Italy' de Baltimore.  O bairro italiano dá de dez no de Nova York ( que já foi praticamente engolido por Chinatown...)  e fica a apenas algumas quadras do Harbor! Alí,  há mais de 26 restaurantes pertencentes à famílias ítalo-americanas.

3a) A praça com a estátua de Cristóvão Colombo , o descobridor da América.  Presente da comunidade ítalo-americana à cidade de Baltimore.

   

 

4) O belo Aquarium ( o prédio colorido)  da cidade.  Arraias,  tartarugas, jacarés e tubarões... , além de um submarino para se  visitar! 

4b)O café  do Aquarium é  todo envidraçado e tem uma vista maravilhosa do Inner Harbor.

  

 

5) O bairro histórico  de Fells Point - antigamente um lugar  'barra pesada' frequentado principalmente por marinheiros.

 Nos  séculos 18 e 19,  era alí que  se construíam a maioria dos navios nos E.U.

 Hoje o lugar parece uma mini Londres, com suas construções típicas em tijolinhos e vários pubs e restaurantes  virados para o cais.  

5a) O pub 'Slainte' irlandês onde almocei e o  hotel Waterfront , de 1771.

 

 

6) Vista do Aquarium  e um dos pontos de saída dos watertaxis.  O belo hotel  Inter-Continental , no estilo  típico da Costa Leste ( em tijolos) ,  assim como a famosa mega livraria Barnes&Noble

     

 

 

7) O Forte Mc Henry - uma das paradas mais interessantes  e a mais afastada do Inner Harbor. ( Pode-se chegar lá de carro ou water taxi).   Alí, em 1812 os americanos mais uma vez conseguiram expulsar os ingleses da América .  A batalha naval inspirou Francis Scott Key a compor o hino americano , que fala dos 'bravos e livres' e de sua bandeira ( a Star-Spangled Banner)  , ainda de pé,  no meio das bombas que explodiam em volta.  

"Oh say does that Star-Spangled banner yet wave?  

Over the land of the the free and the home of the brave..."   

 

    

 

 

Agora,  vai dizer que o Rio de Janeiro  não podia se inspirar e dar um jeito naquele cais do porto de lá, heim!?

 

 

 P.S.  O dia em que passei na capital ( Washington D.C.) ,  foi dedicado inteiramente ao Museu de História Natural do Smithsonian Institute. 

Um verdadeiro 'banquete' para uma estudante de antropologia! lol

Aguardem o próximo post.   

 

 

sinto-me: Tirando o chapéu pra Baltimore
publicado por Pâmelli às 19:05
link do post | Comentários | favorito
|

.Mais sobre mim

. Meu Livro

COPADRAMA

- A Brazilian Tragicomedy

(um romance em inglês de I. Pamelli M.)

. Comprar na AMAZON.com

.Novembro 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10

12
13
14
15
16
17
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30


.posts recentes

. Visita ao maior Santuário...

. PARIS MON AMOUR - As memó...

. Leitura de verão: Três ro...

. Copadrama -Uma tragicoméd...

. De volta , mas nem tanto....

. Loucura, desgraça e um sh...

. Sorria, você está na Flór...

. De novo rumo à Flórida

. Safari Africano, Texas st...

. Primeiro post do ano

.arquivos

. Novembro 2017

. Junho 2017

. Abril 2016

. Julho 2014

. Junho 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

.tags

. todas as tags

blogs SAPO

.flag counter

free counters

.subscrever feeds